em 

TODO O SITE  

FARM astral

15.01.18

 #FARM astral



Vai começar uma lunação daquelas boas pra gente colocar a vida em uma nova direção. Com uma super conjunção de astros em Capricórnio (nada menos que 7!), contando com Saturno que acabou a retornar ao signo que rege, a lua nova na noite do dia 16 de janeiro abre o mês lunar na intenção da estruturação, planejamento e no comprometimento com aquilo que nos propomos a realizar.

Mas é importante ressaltar: com tanta energia convergindo pra Capricórnio, a expressão das qualidades associadas a esse signo pode ser extrema. Traduzindo: podemos ficar mais resistentes, um tanto rígidos em nossos objetivos, exigentes em nossas expectativas, duros em nossa afetividade... ou não: podemos suavizar essa pressão e simplesmente ficar super realistas, pragmáticos e responsáveis pra lidar com os desafios que surgirem.

Claro que tudo depende do grau de maturidade de cada um, né? De qualquer maneira, o lance é não negligenciar a experiência do signo oposto a Capricórnio, Câncer: a do cuidado consigo mesmo e com os outros, acolhendo e alimentando amorosamente os nossos relacionamentos e vínculos. Tudo é uma questão de equilíbrio e quando há excesso de um lado, precisamos compensar do outro lado do eixo.

Mas mal a lua começa a crescer e os astros já vão, em parte, migrando pra Aquário, outro signo regido por Saturno, mas de qualidade diferente: se em Capricórnio a pegada é mais conservadora (afinal ele quer manter aquilo que conquistou), Aquário desafia as regras e a ordem visando a evolução. Ainda assim, convém lembrar que Aquário, dividindo com Capricórnio o mesmo planeta regente, também tem que se entender nesse momento com o passado e as tradições. Ou talvez tenha que se entender com suas próprias ideias fixas, que muitas vezes não comportam adaptações diante de novas necessidades. É um paradoxo que o signo defensor da liberdade às vezes se prenda aos seus idealismos de tal modo que não aceite nada diferente, mas acontece.

Estou aqui falando desses dois signos, mas não me refiro apenas aos seus nativos. Isso vale pra todos, porque todos temos Capricórnio e Aquário em algum lugar do mapa, certo?

Então isso quer dizer que todos nós, em alguma questão ou área da vida teremos que mudar alguns conceitos e crenças limitantes que possam estar atrasando o nosso desenvolvimento pessoal e coletivo, bem como as estruturas que se tornaram obsoletas. De algum jeito a vida vai nos colocar, a cada um, diante de situações e pessoas que nos levarão a rever esses condicionamentos, já que teremos mais dois eclipses no eixo zodiacal de Leão e Aquário nos dias 31 de janeiro e 15 de fevereiro.

Melhor não resistirmos às mudanças, mas colaborar com elas, pelo nosso próprio bem-estar. Estejamos abertos pra o que der e vier!
 
TOPO