in 

ALL SITE  

new look

19.04.17

 #Edward Enninful  #vogue inglesa



Semana passada o mundo da moda deu uma sacudida histórica e carimbou a entrada numa nova era, muito mais diversa e bonita. Ou pelo menos reconheceu uma importante revolução em curso, no momento em que Edward Enninful assumiu as rédeas da Vogue Inglesa e se tornou o primeiro negro editor da publicação em 100 anos. 


Não é, como parece, um feito e tanto para Edward. É sim um luxo pra Vogue britânica entregar a sua direção criativa nas mãos do stylist, que já fazia história desde os 19 anos de idade, quando se tornou o mais novo editor de moda do mundo, na queridinha revista I-D.
 

Em suas mãos a I-D lançou alguns dos maiores modismos dos anos 90, como o grunge e o heroín chique, e mostrou algumas das modelos mais importantes do planeta piscando os olhinhos. Depois disso, Enninful se tornou colaborador de edições emblemáticas da Vogue, editor de moda da revista W, além de stylist de algumas das campanhas de moda mais bacanudas que a gente já viu.


Nascido no Gana, Edward se mudou ainda pequeno pra Londres, onde foi descoberto por uma agência de modelos. A carreira foi rápida e em dois anos ele já ensaiava os primeiros passos como assistente de moda, mostrando o olhar que desenvolveu vendo as criações que a mãe costureira desenvolvia pra comunidade africana. Uma inspiração e tanto!


Sua mente criativa e seu bom gosto produzem não só imagens fortes, como também ajudam a tornar o mundo da moda mais real, interessante e diverso, através de edições como a The Black Issue da Vogue Itália, que apresentou apenas modelos negras em todas as páginas, ou a Belle Vere da mesma revista, que trouxe na capa só modelos consideradas plus size.


Ano passado Enninful ganhou o nobre título de OBE, Officer of the Order of the British Empire, pelos serviços prestados pela industria da moda, e agora, como diretor da Vogue britânica, estamos ansiosas pra ver tudo o que ele ainda pode fazer...


Desde já, estamos aplaudindo de pé! 
TOP

press the play

inactive